TRANSLATE:
header_logo
Login
GESTÃO DE PESSOAS
Pesquisa aponta que bom clima organizacional é mais importante que salário alto
Veja os resultados da pesquisa divulgada pela revista Exame
Estudo realizado junto a 230 empresas brasileiras mostra que, em 42% delas, principal ferramenta usada para reter talentos é ter um ambiente de trabalho agradável. Em segundo lugar, aparece a participação nos lucros (29%). Os benefícios especiais como academia, berçário/creche, curso de idiomas e restaurante na empresa vêm em seguida, com 28%. A possibilidade de desenvolvimento constante foi considerada importante por 26%, e os horários flexíveis e os bônus por 25% e 24%, respectivamente. Na outra ponta, as práticas menos adotadas pelas empresas foram possibilitar transferência para outro país (2%), viagens internacionais (2,5%), oferecer 14º salário (4,5%) e carro (6%).

Em relação a quais medidas as empresas consideram mais efetivas, independente de as adotarem ou não, a maioria também considera que ter um clima agradável está em primeiro lugar (69%). Em seguida, empatados com 62%, aparecem a possibilidade de desenvolvimento constante e plano de carreira estruturado. Logo depois vem a remuneração acima da média do mercado (60%), participação nos lucros (56%), benefícios especiais (48%), horários flexíveis (43,5%) e oferecimento de cursos de pós-graduação e especialização (39%). A oportunidade de transferência para outro país e carro cedido pela corporação (ambos com 5,7%) e viagens internacionais (10%), foram as opções menos citadas.

O curioso, porém, é que quando questionados se os benefícios oferecidos pelas organizações brasileiras têm realmente retido talentos, a maioria dos entrevistados (51%) disse que não. Os outros 49% acreditam que os investimentos têm sido eficientes.
Dentro do recorte de benefícios especiais, os mais oferecidos pelas empresas são restaurante interno e plano de saúde avançado, ambos com 51%. Em seguida vem o estacionamento, com 44%. O subsídio para cursos de pós-graduação, MBA e cursos de especialização aparecem com 38%

Ainda que não usem a estratégia, criar um bom clima corporativo é apontado por 69% das companhias como a medida de retenção mais efetiva.


Fonte:- Portal da Revista Exame
Apoio:
xhl


sicredi
Blog
A tecnologia pode ajudar a sustentabilidade do sistema de saúde do Brasil
A discussão de compliance e ética no CQH 2018
Destaques
O impacto da pandemia no futuro dos espaços em saúde
Exame de Obtenção de Título de Especialista em Medicina Preventiva e Social e Certificado de Área de Atuação em Administração em Saúde 2020
Webinar - A Arquitetura e Engenharia Hospitalar contribuindo para o Controle da Infecção Hospitalar
2020 - Concursos para obtenção de título de especialista em medicina preventiva e certificado de área de atuação em administração em saúde
Curso da APM ajuda na sustentabilidade de empreendimentos médicos
Liderança 4.0
Mais Recentes
Mais Lidas
1Manual de Indicadores de Enfermagem NAGEH 2012
2Rumo à Excelência: Critérios para avaliação do desempenho e diagnóstico organizacional
3CQH - Roteiro de Visitas
43º Caderno de Indicadores CQH - 2009
5Manual de Gestão Hospitalar
6Por que e como aderir ao Programa CQH
7Acreditação hospitalar: um movimento inexorável?
8Manual de Gestão Hospitalar do CQH
9Prêmio Nacional da Gestão em Saúde - Ciclo 2015-2016: Regulamento e Instruções para Candidatura
10Grupo de Indicadores de Enfermagem

apmsompas