TRANSLATE:
header_logo
Login
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
06/05/16 - De 2015 para 2014 caiu em 20% a verba para combate à dengue no Rio de Janeiro
E o que acontecerá durante a olimpíada?
A jornalista Carina Bacelar diz no Jornal O Globo de 6/05/16 que a cidade do Rio perdeu, em 2015, recursos destinados a combater o mosquito; ao todo, o município teria gasto menos R$ 16,44 milhões em rubricas que preveem ações contra doenças e seus vetores. Os valores, tanto da Secretaria municipal de Saúde quanto de coordenadorias gerais de atenção primária da cidade, sofreram uma queda de 20%, passando de R$ 83,25 milhões em 2014 para R$ 66,81 milhões no ano passado.
Segundo a jornalista, de acordo com um levantamento da Diretoria de Análises de Políticas Públicas da Fundação Getulio Vargas (FGV) do Rio, há dois pacotes orçamentários municipais ligados ao combate ao mosquito. A análise revela uma queda gradativa dos valores aplicados nos programas. A ação de vigilância em saúde, prevenção e controle de doenças teve uma queda de 58,9% no total de recursos liquidados, que passaram de R$ 60,88 milhões, em 2012, para R$ 24,97 milhões, em 2015. Em 2014, foram R$ 27,74 milhões. Este ano, até agora, foram empenhados (previsão de gastos) pouco mais de R$ 18 milhões, mas o valor ainda pode ser alterado.
Há ainda recursos chamados “descentralizados” contra a dengue, que são distribuídos pela prefeitura entre cinco regiões atendidas por coordenadorias gerais de atenção primária da cidade. O dinheiro faz parte da rubrica “Ação de integração da vigilância, atenção primária e promoção em saúde” e também sofreu queda: passou de R$ 55,51 milhões liquidados, em 2014, para R$ 41,84 milhões, no ano passado.
Em 2015, a cidade teve 17.460 casos de dengue, 14.910 a mais que os 2.550 registrados em 2014. E 2016 podem superar os dois anos: até agora, já foram contabilizados 12.500 casos. Uma das pesquisadoras responsáveis pelo estudo, Janaína de Mendonça Fernandes explica que a queda no volume de recursos destinados ao combate à dengue e outras doenças ocorre num momento de tendência de alta no número de casos.
Em nota, a prefeitura do Rio alega que não houve alteração do orçamento de 2014 para 2015 para o combate ao mosquito Aedes Aegypti. “A diferença de valores apresentada se refere à descentralização do orçamento para as coordenações de áreas e unidades de saúde, permitindo maior autonomia das áreas na utilização dos recursos”, diz o município. No entanto, mesmo somados, os valores destinados às duas rubricas caíram entre 2014 e 2015.
A pesquisa da FGV detectou também que bairros que vão sediar competições olímpicas tiveram alta no número de casos de dengue este ano. A Barra da Tijuca, onde fica o Parque Olímpico, teve, em quatro meses, quase o mesmo número de registros que o ano passado inteiro: foram 188 em 2016, contra 204 ao longo de 2015. O vizinho Recreio dos Bandeirantes, com 311 casos este ano, superou os 167 de 2015
Apoio:
xhl


sicredi
Blog
A tecnologia pode ajudar a sustentabilidade do sistema de saúde do Brasil
A discussão de compliance e ética no CQH 2018
Destaques
O impacto da pandemia no futuro dos espaços em saúde
Exame de Obtenção de Título de Especialista em Medicina Preventiva e Social e Certificado de Área de Atuação em Administração em Saúde 2020
Webinar - A Arquitetura e Engenharia Hospitalar contribuindo para o Controle da Infecção Hospitalar
2020 - Concursos para obtenção de título de especialista em medicina preventiva e certificado de área de atuação em administração em saúde
Curso da APM ajuda na sustentabilidade de empreendimentos médicos
Liderança 4.0
Mais Recentes
Mais Lidas
1Manual de Indicadores de Enfermagem NAGEH 2012
2Rumo à Excelência: Critérios para avaliação do desempenho e diagnóstico organizacional
3CQH - Roteiro de Visitas
43º Caderno de Indicadores CQH - 2009
5Manual de Gestão Hospitalar
6Por que e como aderir ao Programa CQH
7Acreditação hospitalar: um movimento inexorável?
8Manual de Gestão Hospitalar do CQH
9Prêmio Nacional da Gestão em Saúde - Ciclo 2015-2016: Regulamento e Instruções para Candidatura
10Grupo de Indicadores de Enfermagem

apmsompas