TRANSLATE:
header_logo
Login
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
19/02/16 - Construção do novo prédio da APM é aprovada
Por maioria absoluta, Assembleia de Delegados ratificou a escolha da construtora; obra no estacionamento da entidade deverá começar nos próximos meses
imagem


A construção do prédio no terreno do atual estacionamento da Associação Paulista de Medicina foi aprovada em Assembleia de Delegados no dia 30 de janeiro, com 77 votos favoráveis, 2 contrários e 1 abstenção. A Sinco Engenharia será a construtora responsável pelo edifício de uso misto (residencial, estacionamento e centro de convenções). O início da obra deve ocorrer nos próximos meses, com previsão de entrega em 20 meses.

O presidente da APM, Florisval Meinão, ressalta que há reserva financeira em caixa para pagar toda a construção do prédio sem recorrer a financiamentos. "Além de termos praticamente dobrado o repasse às nossas Regionais, no fim do mandato desta diretoria, mesmo com a construção do prédio, deixaremos a Associação Paulista de Medicina com uma reserva em caixa muito maior do que quando assumimos, em novembro de 2011, considerando a correção dos valores pela inflação acumulada no período.”

O bom resultado financeiro é fruto das melhorias administrativas realizadas nos últimos anos, desde a posse da atual Diretoria. Na oportunidade a previsão orçamentária era negativa em R$ 2 milhões para 2012, por conta da extinção da Lei do Selo Médico.

"Superamos a cenário de crise que herdamos. Reduzimos nossas despesas em relação às receitas de 98% para 73%, mantendo e até ampliando as lutas em defesa do médico e da Saúde e nossos serviços e benefícios. Também em atitude responsável, este ano reajustamos a contribuição associativa em 5%, contra 10% de inflação”, afirmou Meinão.

Os aluguéis das unidades do novo edifício serão uma fonte de renda extra para a Associação Paulista de Medicina no futuro, pois não será necessário vender nenhuma unidade, já que possui recursos próprios para a construção.

Além do mais, por conta da Lei Municipal nº 15.234/10 – que enquadrou o terreno do estacionamento da APM na Zonas Especiais de Interesse Social – a entidade se viu obrigada a apresentar um projeto de construção, sob o risco de perder o terreno, avaliado em cerca de R$ 5 milhões.


Novo prédio

O engenheiro Enio Souza, da TRS Engenharia, que foi responsável pela avaliação técnica do primeiro projeto de edifício – cujo custo de construção estava avaliado em cerca de R$ 45 milhões – explicou que a previsão de seis subsolos de garagem era o principal motivo da diferença para o atual projeto, que custará em torno de R$ 30 milhões e terá dois subsolos, sendo que 105 vagas de estacionamento ficarão em níveis acima do térreo.

"Realizamos pesquisas de mercado e identificamos que imóveis do tipo studio também eram mais viáveis para a região, então conseguimos chegar a 117 unidades residenciais para locação, com previsão de retorno de 44% do custo de construção x valor de venda dos imóveis, contra um empate financeiro do primeiro projeto”, esclareceu o engenheiro. O novo prédio continuará tendo acessos independentes para as áreas residencial e estacionamento/convenções e ligação desta última com o atual prédio da APM.

Ainda de acordo com ele, foi feita uma concorrência com construtoras de reconhecida capacidade técnica e financeira para a escolha da Sinco Engenharia. "Também optamos pela modalidade de preço máximo garantido para a obra, que é a mais utilizada no mercado atualmente, sendo a forma mais direta para controlar os gastos com a obra. Pelo PMG, se a construtora apresentar gastos até 3% acima do previsto, a APM paga a diferença, caso a conta final fique maior que isso, a construtora arca com o valor; e se a obra custar menos do que o previsto, o saldo é dividido entre a APM e a construtora”, completou Souza.
Apoio:
xhl


sicredi
Blog
A tecnologia pode ajudar a sustentabilidade do sistema de saúde do Brasil
A discussão de compliance e ética no CQH 2018
Destaques
O impacto da pandemia no futuro dos espaços em saúde
Exame de Obtenção de Título de Especialista em Medicina Preventiva e Social e Certificado de Área de Atuação em Administração em Saúde 2020
Webinar - A Arquitetura e Engenharia Hospitalar contribuindo para o Controle da Infecção Hospitalar
2020 - Concursos para obtenção de título de especialista em medicina preventiva e certificado de área de atuação em administração em saúde
Curso da APM ajuda na sustentabilidade de empreendimentos médicos
Liderança 4.0
Mais Recentes
Mais Lidas
1Manual de Indicadores de Enfermagem NAGEH 2012
2Rumo à Excelência: Critérios para avaliação do desempenho e diagnóstico organizacional
3CQH - Roteiro de Visitas
43º Caderno de Indicadores CQH - 2009
5Manual de Gestão Hospitalar
6Por que e como aderir ao Programa CQH
7Acreditação hospitalar: um movimento inexorável?
8Manual de Gestão Hospitalar do CQH
9Prêmio Nacional da Gestão em Saúde - Ciclo 2015-2016: Regulamento e Instruções para Candidatura
10Grupo de Indicadores de Enfermagem

apmsompas