TRANSLATE:
header_logo
Login
CARREIRA
8 dicas para se comunicar bem no ambiente profissional
O master coach Nivaldo Grande reuniu oito conselhos para se comunicar no ambiente profissional em artigo de exame.com
Parece irrelevante, mas comunicar-se bem e adequadamente é uma qualidade essencial e muito valorizada em profissionais que desejam alcançar posições estratégicas nas empresas.

Saber se expressar em diferentes situações e envolver o ouvinte no momento certo e com as palavras certas pode te ajudar a convencer clientes, explicar ideias, estabelecer uma estratégia, defender um ponto de vista ou até mesmo conversar sobre assuntos informais de maneira mais eficiente.

E para que qualquer profissional possa melhorar seu desempenho no ambiente corporativo e impulsionar sua carreira, o master coach e co-fundador da NS Engenharia de Pessoas, Nivaldo Grande, reuniu oito conselhos que irão ajudá-lo neste processo.

Confira:

1. Construa sua imagem

Além de cuidar da aparência física e se vestir adequadamente, é preciso se preocupar também com outros aspectos de sua imagem.

A simpatia, atenção, disposição social e a forma de se comunicar com os colegas de trabalho também fazem parte desse requisito.

Nivaldo Grande aconselha o profissional a conhecer melhor as pessoas, saber como elas pensam e agem para estabelecer uma ligação com elas.

Além disso, conversar corretamente, mostrar empatia, bom humor e lembrar-se dos nomes de seus colegas também são atitudes essenciais.

É preciso praticar esses gestos e, se necessário, buscar feedback com amigos e colegas para saber como você está se saindo.

2. Aprenda a escutar

Não adianta se comunicar bem sem aprender a escutar o outro. A capacidade de ouvir o que as pessoas têm a dizer, demonstrar interesse e não apenas interrompê-la apenas falando o que se quer é algo que deve ser aprimorado a cada dia.

Pessoas que não costumam escutar seus colegas tendem a despertar desinteresse e acabam sendo excluídas de certas conversas ou até mesmo reuniões no escritório.

Ao ouvir alguém falar, faça algumas perguntas a si mesmo, como “quem, quando, onde, como ou porque”, para poder discutir o argumento apresentado, aconselha Grande.

3. Aprenda a falar

Uma maneira eficaz de se comunicar bem é saber se expressar corretamente.

E uma dica infalível para aprender a argumentar e aumentar seu vocabulário é simplesmente ler. E ler de tudo: desde bons livros até jornais, revistas ou bulas de remédio.

Treine as pronúncias de palavras e certifique-se de que seu interlocutor esteja compreendendo as palavras no contexto correto do que deseja argumentar, sem deixar espaço para que te interpretem da maneira errada.

4. Saiba conversar

Preocupe-se com a forma como irá transmitir uma mensagem durante as conversas.

Para isso, o coach Nivaldo Grande aconselha que o profissional deixe de lado as gírias – a não ser aquelas já aceitas no ambiente – e reserve seu vocabulário técnico para quem possa entendê-lo.

Outra dica fundamental é prestar atenção em sua linguagem corporal. Uma pesquisa realizada pela Universidade da Califórnia, por exemplo, constatou que num processo de comunicação 38% de uma mensagem é transmitida pela voz, enquanto 55% se dá pela linguagem corporal e apenas 7% é transmitida por meio de palavras.

Por isso, tenha postura, entonação e use gestos adequadamente enquanto fala.

5. Tenha opinião

Ao defender uma ideia, não se baseie apenas em “achismos”. Segundo o coach, ao defender uma opinião, garanta que estará falando sobre o que você sabe ou já tem experiência.

Construa argumentos sólidos para transmitir confiança e segurança ao falar sobre determinados assuntos.

6. Pratique a inclusão

Envolva toda a sua equipe nas discussões e reuniões de projetos, estimule boas ideias e encoraje seus colegas a emitirem suas opiniões.

7. Escolha o momento certo

É importante nunca se esquecer de um dos lemas mais usados por líderes: elogie em público, critique em particular.

Procure o melhor momento para emitir um feedback, seja cauteloso, exemplifique seus argumentos com situações que realmente ocorreram, e não se esqueça também de reforçar os aspectos positivos da pessoa.

8. Foco nas reuniões

Ao falar em uma reunião, certifique-se de que este é o momento certo e o tema adequado para questionar sobre determinado assunto.

Em vez de interromper o grupo para dizer algo, peça uma nova reunião apenas sobre aquele assunto ou peça a palavra ao final da reunião.

Grande também alerta para os cuidados com a educação: não atropele a conversa interrompendo um colega, espere que ele termine sua linha de pensamento para, depois expressar sua opinião.


Fonte: Adeline Daniele, de INFO Online
Apoio:
xhl


sicredi
Blog
A tecnologia pode ajudar a sustentabilidade do sistema de saúde do Brasil
A discussão de compliance e ética no CQH 2018
Destaques
O impacto da pandemia no futuro dos espaços em saúde
Exame de Obtenção de Título de Especialista em Medicina Preventiva e Social e Certificado de Área de Atuação em Administração em Saúde 2020
Webinar - A Arquitetura e Engenharia Hospitalar contribuindo para o Controle da Infecção Hospitalar
2020 - Concursos para obtenção de título de especialista em medicina preventiva e certificado de área de atuação em administração em saúde
Curso da APM ajuda na sustentabilidade de empreendimentos médicos
Liderança 4.0
Mais Recentes
Mais Lidas
1Manual de Indicadores de Enfermagem NAGEH 2012
2Rumo à Excelência: Critérios para avaliação do desempenho e diagnóstico organizacional
3CQH - Roteiro de Visitas
43º Caderno de Indicadores CQH - 2009
5Manual de Gestão Hospitalar
6Por que e como aderir ao Programa CQH
7Acreditação hospitalar: um movimento inexorável?
8Manual de Gestão Hospitalar do CQH
9Prêmio Nacional da Gestão em Saúde - Ciclo 2015-2016: Regulamento e Instruções para Candidatura
10Grupo de Indicadores de Enfermagem

apmsompas