TRANSLATE:
header_logo
Login
ÚLTIMOS ARTIGOS
PROSPERIDADE
Quais são os 8 maiores sabotadores da prosperidade
Muitas pessoas afirmam que desejam ter uma vida plena e feliz, alcançando a prosperidade em qualquer âmbito na vida: dinheiro, saúde, uma casa nova, um cargo com uma remuneração melhor, um negócio próprio ou mesmo sorte no relacionamento. Esses são os chamados desejos conscientes, ou racionais. Elainne Ourives, autora do livro “DNA Milionário”, explica que, na vida, as pessoas atraem aquilo em que elas focam seus pensamentos e realmente buscam, não só conscientemente, mas também em seu inconsciente.

Por conta disso, muita gente não consegue alcançar a abundância que deseja, justamente por não estar em um alinhamento com o seu inconsciente. “Costumo dizer que as pessoas são responsáveis por produzir os seus desejos, assim como têm o poder de destruí-los. Tudo isso porque existe uma grande diferença entre o que a pessoa afirma querer externamente – ou seja, de forma racional- e o que ela realmente sente dentro de si, inconscientemente, no fundo de seu ser”, explica.

Em seu livro, ela explica quais atitudes e comportamentos negativos podem sabotar a prosperidade das pessoas, anular seus propósitos e deixá-las sem perspectiva prática para conquistá los na vida. “Por não ter noção do poder e da força dos sentimentos, a maioria das pessoas ainda vive sob o domínio de sentimentos negativos, como angústia, sofrimento, culpa, desamor, não merecimento, entre outros. Se você permitir, esses fatores podem começar a controlar as suas decisões mais importantes, sobretudo se estiver insatisfeito em alguns aspectos de sua vida”, comenta.

Ou seja, os sabotadores são padrões mentais e emocionais que levam as pessoas à auto sabotagem diariamente, atrapalhando seu crescimento e as tirando de seu foco. “Os sabotadores são todas as programações mentais que conspiram contra nosso equilíbrio e paz interior. Eles são todos os sentimentos que lidam dentro de nós, além dos desafios externos do dia a dia. Eles se escondem dentro de nosso íntimo de maneira tão disfarçada que mal os reconhecemos”, comenta Elainne. Quais são esses principais sabotadores da prosperidade, e como eles podem afetar a abundância e a plenitude da vida das pessoas? Elainne lista alguns exemplos, e diz o que pode ser feito para se livrar deles:

1. MEDO
Este é o sabotador que mais atinge as pessoas. E chega de todas as formas, e quando menos se espera. As pessoas têm medo de ficarem doentes, de não terem dinheiro para se sustentarem, das mudanças, de perderem o emprego ou se arriscarem um novo negócio, de decepcionarem os outros ou a si mesmos, de perderem um ente querido, entre tantos outros.
“Por medo, essas pessoas encontram desculpas para não fazerem novas escolhas nem assumirem a responsabilidade no direcionamento da própria vida. Então, para que elas tomem as rédeas da situação e mudem as suas vidas, precisam se libertar desse sentimento de uma vez por todas e ir atrás do que realmente desejam, criando a sua própria realidade. Elas precisam estar dispostas a tomarem atitude e agir”, comenta Elainne.

2. ANSIEDADE
A ansiedade é a reação natural do corpo e da mente ao estresse, caracterizada por sentimentos de tensão, preocupação e pensamentos negativos. E é ao se conectar com esses sentimentos que a frequência vibracional se mantém baixa e impede a materialização dos sonhos. Muitas vezes, por medo do futuro, as pessoas se veem ansiosas e presas no futuro, deixando de viver o presente e correr atrás de seus desejos hoje.

“Tentar viver no futuro e passar boa parte de nossa vida tentando estar em outro momento que não o atual é um grande sabotador da prosperidade. Imaginamos como queremos que tudo seja, como as pessoas vão pensar, como vai ser de fato. E é assim que o nosso inconsciente passa a manter o controle sobre a nossa vida de maneira negativa. Foque sua mente no hoje, para obter resultados bons e reais e manter as rédeas da sua vida”, ensina Elainne.

3. TRISTEZA E NEGATIVIDADE
Para que seu desejo se concretize, é preciso pensar nele, o dia inteiro se for preciso, de forma positiva. De nada adianta pensar de um jeito, mas sentir-se de outro.
Pensar de maneira positiva, mas, por dentro só tristeza, culpa e autodestruição, não adianta. Esse é o maior erro das pessoas: pensar positivo, mas agir de maneira totalmente contrária. É preciso alinhar os pensamentos às emoções, ou não irá concretizar a realidade que tanto se deseja”, comenta ela.

4. PROCRASTINAÇÃO
Se as pessoas almejam realizar todos os seus sonhos e desejos, elas não podem fugir da responsabilidade sobre as suas trajetórias. Adiar suas responsabilidades retarda o andamento de suas conquistas.

“Se você mantiver nesse tipo de sentimento, permanecerá em uma frequência baixa e, por isso, não realizará nada, ou seja, não conseguirá obter prosperidade e abundância, vivendo uma realidade que mais parece um pesadelo. Ao procrastinar ou adiar suas responsabilidades, você deixa as oportunidades passarem e perde qualquer chance de conquistá-las”, explica.

5. FALTA DE CRENÇAS E DE FÉ
As crenças são os paradigmas e tudo aquilo que é imposto às pessoas, desde o momento em que elas nascem, como verdades absolutas, seja pela família, pela sociedade, pela mídia ou mesmo pela religião.

“Muitas vezes, elas impedem que encontremos um rumo positivo para a nossa vida e a nossa evolução. Para alcançar a prosperidade, precisei me libertar desses dogmas e trilhar a minha própria história, despertando para uma vida em abundância e plenitude”, comenta Elainne.

6. INVEJA
Muitas vezes, ao se depararem com situações em que veem outras pessoas prosperarem na vida, a primeira reação que algumas pessoas costumam ter é a inveja, uma espécie de desconforto interno, e até mesmo um sentimento de injustiça, pois também gostariam de alcançar aquilo.
“O que eu pergunto é o seguinte: Será que você se dedicou tanto quanto aquela pessoa, que hoje se encontra próspera e feliz? Será que foi, de fato, atrás de seus sonhos, como elas? Abriu mão de coisas, como ela fez? E é muito provável que não, senão seria você quem estaria na situação em que ela se encontra no momento, certo? Portanto, ao invés de invejar e se entristecer com a abundância alheia, admire aquele que conquistou sua prosperidade, pois assim a atrairá para sua vida, ao invés de afastá-la de você. Sentindo inveja, a pessoa em questão terá cada vez mais, e você cada vez menos. Lembre-se sempre: você conquista aquilo que vibra!”, explica.

7. INSEGURANÇA E DESMERECIMENTO
Outro sabotador que faz com que as pessoas não prosperem é a insegurança, juntamente com o sentimento de desmerecimento, um dos piores bloqueadores da prosperidade. Muitas querem ser prósperas, mas esses sabotadores as impedem de acreditarem em si mesmas e, com isso, podem anular a materialização de seus sonhos.

A insegurança faz com que as pessoas coloquem o ‘se’ antes de todos os seus pensamentos. ‘E se eu fracassar?’; ‘E se não der certo?’, ‘E se eu perder dinheiro?’ ‘E se eu decepcionar as pessoas?’. Esses são só alguns dos exemplos. Juntamente a ela, vem a sensação de que elas não merecem tudo aquilo que estão desejando, o que as leva a auto sabotagem, mais uma vez.
“Minha dica é: Se você quer ser próspero e abundante, então é assim que deve se sentir! Você deve acreditar fielmente nisso, ter fé, adquirir segurança em si mesmo e acreditar que é merecedor de tudo o que quer. E, junto a isso, ir, de fato, atrás de seus desejos, de forma concreta e agindo na direção deles”, aconselha.

8. INGRATIDÃO
Para que as pessoas possam alcançar a prosperidade, elas precisam ter dentro delas o sentimento da gratidão. Ela é uma frequência que deve ser cultivada sempre, uma vez que proporciona transformação total, mudando a vibração energética das pessoas e atraindo coisas positivas para suas vidas. “Pessoas ingratas são incapazes de reconhecer o empenho alheio e do universo, e aceitar as circunstâncias como elas são. O sentimento de ingratidão deixa nossa autoestima abalada e nos faz pensar que não significamos nada na vida das pessoas ao nosso redor. Sentimo-nos usados, sem apoio e desvalorizados, seja na família, no trabalho, ou no relacionamento. E, assim, perdemos a motivação para alcançar aquilo que queremos em nossa vida, assim como auxiliar quem nos causou esse sentimento”, explica Elainne. “Quando passamos a ter gratidão, essa aceitação começa a acontecer e criamos a possibilidade para que novas portas se abram em nossas vidas. Ou seja, ser grato com frequência, nos torna pessoas mais satisfeitas e otimistas, permitindo que a prosperidade permeie todos os nossos caminhos. Então, seja grato sempre, por tudo o que tem em sua vida!”, finaliza.
Fonte:- Redação P&N
Apoio:
xhl


sicredi
Blog
A tecnologia pode ajudar a sustentabilidade do sistema de saúde do Brasil
A discussão de compliance e ética no CQH 2018
Destaques
2019 - Concursos para obtenção de título de especialista em medicina preventiva e certificado de área de atuação em administração em saúde
CQH: Hospital Regional de Presidente Prudente recebe selo
Em 25/10/2018, o Hospital Policlin de Taubaté recebeu selo do Programa CQH
Santa Casa de Limeira recebe Selo de Conformidade do Programa CQH
Haino Burmester é homenageado por trabalho à frente do CQH
Hospital Netto Campello recebe selo do CQH
Mais Recentes
LANÇAMENTO 08/11/19
COMUNICAÇÃO 04/11/19
BOAS PRÁTICAS DE GESTÃO 25/10/19
LIDERANÇA 25/10/19
SÍNDROME DE BURNOUT 25/10/19
Mais Lidas
1Manual de Indicadores de Enfermagem NAGEH 2012
2Rumo à Excelência: Critérios para avaliação do desempenho e diagnóstico organizacional
3CQH - Roteiro de Visitas
43º Caderno de Indicadores CQH - 2009
5Manual de Gestão Hospitalar
6Por que e como aderir ao Programa CQH
7Acreditação hospitalar: um movimento inexorável?
8Manual de Gestão Hospitalar do CQH
9Prêmio Nacional da Gestão em Saúde - Ciclo 2015-2016: Regulamento e Instruções para Candidatura
10Manual de Gestão - Organização, Processos e Práticas de Liderança