TRANSLATE:
header_logo
Login
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
04/05/18 - PROFISSÕES DO FUTURO
Exigem capacitação e inetrdisciplinaridade
Interdisciplinaridade é a palavra de ordem para quem está de olho nas áreas mais promissoras do mercado de trabalho para os próximos anos. Entre as que estarão em voga, destacam-se carreiras ligadas a envelhecimento da população, energias renováveis, aquecimento global, infraestrutura e saúde. Todas aliadas à tecnologia. Para celebrar o Dia do Trabalho, o Ministério do Trabalho entrevistou especialistas no assunto e elencou dicas para os brasileiros que buscam sucesso e oportunidades; a seguir são apresentadas algumas delas:
A automatização em larga escala viabilizada pela inteligência artificial irá reestruturar praticamente todas as áreas nas quais os trabalhos de lógica repetitiva e linear prevalecem. Nos próximos 20 anos, 3% a 14% da força de trabalho do mercado mundial deverá mudar de categoria de empregos. Um dos motivos é a evolução da tecnologia na área da saúde, que gera maior expectativa de vida e possibilita que as pessoas tenham de quatro a cinco carreiras.
Menos de 5% dos empregos atuais são capazes de serem 100% automatizados. Porém, de cada 10 empregos atuais, em seis deles a tecnologia tem capacidade para automatizar até 30% das atividades desempenhadas. A tecnologia ajudará a desenvolver habilidades e contribuirá para o processo de individualização do aprendizado profissional. A economia vai sair dos programas formais e tornar as pessoas mais interdisciplinares. Não há como desassociar uma coisa da outra. Essa ponte é fundamental para se ter sucesso.
Além do autoconhecimento, as profissões do futuro exigirão diversidade. O profissional não pode ficar restrito à sua formação; é preciso buscar constantemente informações sobre novas demandas e aprender a ser multidisciplinar. A capacitação é essencial, mas também é preciso e avaliá-la permanentemente. Os profissionais de hoje e do futuro não podem achar que estão atualizados, pois as mudanças no mercado laboral são rápidas, constantes e provocadas pelas demandas da sociedade.
Fonte:- Redação P&N
Apoio:
xhl


sicredi
Blog
A tecnologia pode ajudar a sustentabilidade do sistema de saúde do Brasil
A discussão de compliance e ética no CQH 2018
Destaques
Curso da APM ajuda na sustentabilidade de empreendimentos médicos
Liderança 4.0
Novo : Desafios da Lei Geral de Proteção de Dados para a Área da Saúde
Gestão de Pessoas em Saúde
2019 - Concursos para obtenção de título de especialista em medicina preventiva e certificado de área de atuação em administração em saúde
CQH: Hospital Regional de Presidente Prudente recebe selo
Mais Recentes
Indicadores para análise durante a pandemia - CQH e APM 03/07/20
Soluções Emergenciais para Ambientes Contaminados com Covid-19 03/07/20
Ikigai 03/07/20
Dr. Eduardo D'Aguiar concede entrevista para a TV Cultura 03/07/20
Sejam bem-vindos equipe da Santa Casa de Curitiba, o mais novo hospital a aderir ao Programa CQH. 03/07/20
Cibelle Naves - Coordenadora do Nageh IRAS - Uma Reflexão em Tempos de Covid-19 11/06/20
Medidas do sistema de saúde da Holanda no enfrentamento da Covid-19 11/06/20
Homenagem da Sta Casa São Jose Rio Preto ao mês da Enfermagem 10/06/20
A Gestão da Crise Covid-19 no Hospital das Clínicas da FMUSP 10/06/20
Mais Lidas
1Manual de Indicadores de Enfermagem NAGEH 2012
2Rumo à Excelência: Critérios para avaliação do desempenho e diagnóstico organizacional
3CQH - Roteiro de Visitas
43º Caderno de Indicadores CQH - 2009
5Manual de Gestão Hospitalar
6Por que e como aderir ao Programa CQH
7Acreditação hospitalar: um movimento inexorável?
8Manual de Gestão Hospitalar do CQH
9Prêmio Nacional da Gestão em Saúde - Ciclo 2015-2016: Regulamento e Instruções para Candidatura
10Manual de Gestão - Organização, Processos e Práticas de Liderança

apmsompas