TRANSLATE:
header_logo
Login
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
06/05/16 - De 2015 para 2014 caiu em 20% a verba para combate à dengue no Rio de Janeiro
E o que acontecerá durante a olimpíada?
A jornalista Carina Bacelar diz no Jornal O Globo de 6/05/16 que a cidade do Rio perdeu, em 2015, recursos destinados a combater o mosquito; ao todo, o município teria gasto menos R$ 16,44 milhões em rubricas que preveem ações contra doenças e seus vetores. Os valores, tanto da Secretaria municipal de Saúde quanto de coordenadorias gerais de atenção primária da cidade, sofreram uma queda de 20%, passando de R$ 83,25 milhões em 2014 para R$ 66,81 milhões no ano passado.
Segundo a jornalista, de acordo com um levantamento da Diretoria de Análises de Políticas Públicas da Fundação Getulio Vargas (FGV) do Rio, há dois pacotes orçamentários municipais ligados ao combate ao mosquito. A análise revela uma queda gradativa dos valores aplicados nos programas. A ação de vigilância em saúde, prevenção e controle de doenças teve uma queda de 58,9% no total de recursos liquidados, que passaram de R$ 60,88 milhões, em 2012, para R$ 24,97 milhões, em 2015. Em 2014, foram R$ 27,74 milhões. Este ano, até agora, foram empenhados (previsão de gastos) pouco mais de R$ 18 milhões, mas o valor ainda pode ser alterado.
Há ainda recursos chamados “descentralizados” contra a dengue, que são distribuídos pela prefeitura entre cinco regiões atendidas por coordenadorias gerais de atenção primária da cidade. O dinheiro faz parte da rubrica “Ação de integração da vigilância, atenção primária e promoção em saúde” e também sofreu queda: passou de R$ 55,51 milhões liquidados, em 2014, para R$ 41,84 milhões, no ano passado.
Em 2015, a cidade teve 17.460 casos de dengue, 14.910 a mais que os 2.550 registrados em 2014. E 2016 podem superar os dois anos: até agora, já foram contabilizados 12.500 casos. Uma das pesquisadoras responsáveis pelo estudo, Janaína de Mendonça Fernandes explica que a queda no volume de recursos destinados ao combate à dengue e outras doenças ocorre num momento de tendência de alta no número de casos.
Em nota, a prefeitura do Rio alega que não houve alteração do orçamento de 2014 para 2015 para o combate ao mosquito Aedes Aegypti. “A diferença de valores apresentada se refere à descentralização do orçamento para as coordenações de áreas e unidades de saúde, permitindo maior autonomia das áreas na utilização dos recursos”, diz o município. No entanto, mesmo somados, os valores destinados às duas rubricas caíram entre 2014 e 2015.
A pesquisa da FGV detectou também que bairros que vão sediar competições olímpicas tiveram alta no número de casos de dengue este ano. A Barra da Tijuca, onde fica o Parque Olímpico, teve, em quatro meses, quase o mesmo número de registros que o ano passado inteiro: foram 188 em 2016, contra 204 ao longo de 2015. O vizinho Recreio dos Bandeirantes, com 311 casos este ano, superou os 167 de 2015
Apoio:
xhl


sicredi
Blog
A tecnologia pode ajudar a sustentabilidade do sistema de saúde do Brasil
A discussão de compliance e ética no CQH 2018
Destaques
2019 - Concursos para obtenção de título de especialista em medicina preventiva e certificado de área de atuação em administração em saúde
CQH: Hospital Regional de Presidente Prudente recebe selo
Em 25/10/2018, o Hospital Policlin de Taubaté recebeu selo do Programa CQH
Santa Casa de Limeira recebe Selo de Conformidade do Programa CQH
CQH 2019 - XX CONGRESSO BRASILEIRO DE QUALIDADE EM SERVIÇOS DE SAÚDE e III CONGRESSO BRASILEIRO DE MEDICINA PREVENTIVA E DE ADMINISTRAÇÃO EM SAÚDE
Haino Burmester é homenageado por trabalho à frente do CQH
Mais Recentes
PRÉ LANÇAMENTO “GESTÃO DE PESSOAS EM SAÚDE”: 11/10/19
FLEURY COMPRA DIAGMAX 08/10/19
AUTOGESTÃO 07/10/19
Apresentações 30/09/19
Apresentações 30/09/19
PROTEÇÃO DE DADOS PESSOAIS 27/09/19
BURNOUT 23/09/19
LIDERANÇA COMO FERRAMENTA DE GESTÃO 23/09/19
GOVERNANÇA CORPORATIVA 23/09/19
Mais Lidas
1Manual de Indicadores de Enfermagem NAGEH 2012
2Rumo à Excelência: Critérios para avaliação do desempenho e diagnóstico organizacional
3CQH - Roteiro de Visitas
43º Caderno de Indicadores CQH - 2009
5Manual de Gestão Hospitalar
6Por que e como aderir ao Programa CQH
7Acreditação hospitalar: um movimento inexorável?
8Manual de Gestão Hospitalar do CQH
9Prêmio Nacional da Gestão em Saúde - Ciclo 2015-2016: Regulamento e Instruções para Candidatura
10Manual de Gestão - Organização, Processos e Práticas de Liderança